Pular para o conteúdo principal

SUPLEMENTOS QUE PODEM AUMENTAR SUA PERFORMANCE ESPORTIVA

Suplementos que podem aumentar sua performance esportiva


O cuidado com a alimentação é essencial para qualquer um que pratique esportes e busca obter um bom desempenho, melhorando tempo na corrida, levantando mais peso, etc. É preciso consumir a quantidade adequada de nutrientes como carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas e minerais para que o nosso corpo funcione adequadamente, fornecendo energia e força para os músculos. Os suplementos esportivos ajudam a complementar a dieta quando não é possível adquirir todos os nutrientes (em suas devidas quantidades) pela alimentação, além de fornecerem nutrientes específicos para a melhora do desempenho físico.

Os principais suplementos ergogênicos, assim chamados os suplementos que podem aumentar a performance esportiva, são:

·         Maltodextrina
Um tipo de carboidrato que possui absorção médio-rápida e fornece energia durante os treinos de maneira gradual, evitando picos de glicose (açúcar) no sangue. Vale lembrar que o consumo de carboidratos é fundamental antes e durante treinos muito intensos ou longos com duração superior a uma hora. Para quem prefere não ingerir alimentos antes da atividade, a maltodextrina é uma boa opção. É encontrada em forma de pó para o preparo de shakes e, ainda, faz parte da composição de vários suplementos energéticos, como os carboidratos em gel.
·         Cafeína
A cafeína, presente em cafés, chás e pó de guaraná, também é encontrada em cápsulas de forma isolada e em quantias maiores. Seu papel é dar mais pique e disposição para a prática de exercícios, além de disponibilizar mais gordura para ser queimada, poupando os estoques de glicogênio muscular por mais tempo. Mas atenção! A cafeína não é recomendada para pessoas com problemas cardíacos, pressão alta e insônia.

·         Creatina
Aumenta a potencia muscular em atividades muito intensas e de curta duração ou atividades intervaladas como levantamento de peso, artes maciais, futebol, tiros de corrida, bike, etc. É responsável pela formação de ATP, a moeda energética do nosso corpo e a primeira fonte de energia que o músculo utiliza. É encontrada em pré-treinos ou pura em cápsulas ou pó.

·         Proteínas
Embora este fato ainda não tenha sido comprovado cientificamente, muitos estudos, especialistas e atletas sugerem que o uso de proteínas antes dos treinos provoca um melhor desempenho. Possivelmente o responsável por esta ação são os aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA). O uso dos aminoácidos conhecidos pela sigla BCAA pode prolongar a sensação de fadiga. Os BCAAs podem ser consumidos em cápsula ou pó de forma isolada e atualmente já encontramos no mercado diversos suplementos energéticos com adição de BCAA, sendo uma tendência dos novos produtos energéticos.

Além disso, vale lembrar que a hidratação é fundamental para obter bons resultados na atividade física. Se o seu exercício for intenso ou de longa duração (mais de uma hora), é preciso utilizar bebidas isotônicas como água de coco ou sport drinks, que já fornecem carboidratos também.

Agora que você já sabe de tudo isso, nada de ficar com falta de energia durante os treinos ou treinar em jejum, certo? Estar bem nutrido é essencial para treinar com todo gás!

Fonte: Carolina Arbache, Nutricionistas da Natue


Postagens mais visitadas deste blog

LUTEÍNA COMBATE MANCHAS E FOTOENVELHECIMENTO DA PELE

A luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - proporciona um efeito fotoprotetor contra a radiação solar e artificial, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da peleFoto: Shutterstock
Luteína combate manchas e fotoenvelhecimento da pele
Estudos já comprovaram que a luz emitida por computadores, televisores e lâmpadas fluorescentes pode causar manchas na pele, assim como os raios ultravioleta (UVA e UVB). Mas, o que pouca gente sabe é que a luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - pode proporcionar um efeito fotoprotetor contra todas essas radiações, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da pele. Os benefícios desse ativo para a cútis começaram a ser valorizados há cerca de cinco anos quando a revista científica americana Skin Pharmacology and Physiology divulgou um estudo que apontou a luteína como uma poderosa arma antioxidante contra o fotoenvelhecimento cutâneo, causad…

UC-II - COLÁGENO NÃO DESNATURADO,O QUE É ? - FANTÁSTICO SUPLEMENTO DERIVADO DA CARTILAGEM DO FRANGO

UC-II COLAGENO NÃO DESNATURADO DUAS VEZES MAIS ATIVO DO QUE CONDROITINA + GLUCOSAMINA A cartilagem é um dos tecidos conjuntivos primários do corpo, proporcionando flexibilidade e suporte para as articulações ósseas. O colageno tipo II não desnaturado, é a principal proteína estrutural na cartilagem que é responsável pela sua resistência à tração e firmeza. Derivado de cartilagem de frango, UC-II® consiste em colágeno tipo II não desnaturado que age juntamente com o sistema imunológico para manter as articulações saudáveis e promover a mobilidade e flexibilidade das articulações. UC-II® tem sua composição patenteada, e demonstrou a sua eficácia em estudos clínicos em humanos. Descrição O colágeno é uma proteína fibrosa presente na pele, tendões, ossos, dentes, vasos sangüíneos, intestinos e cartilagens, correspondendo a 30% da proteína total e a 6% em peso do corpo humano. Também é encontrada em diversos tecidos de animais. UC-II® é um colágeno do tipo II, não-desnaturado, derivado da cartil…

PROCAÍNA,A SENSAÇÃO CONTRA VELHICE

Um novo tratamento contra o envelhecimento está se tornando uma sensação no Brasil. Embora sua aplicação com essa finalidade não seja tão recente, a procaína benzóica estabilizada ganhou força na mídia, e hoje já é utilizada principalmente pelas classes sociais mais abastadas. Além de retardar o envelhecimento, o GH3, nome comercial da procaína, promete equilíbrio nos sistemas corporais, melhora na circulação sangüínea e combate à depressão. O geriatra e ortomolecular Eduardo Gomes e Azevedo trabalha com o GH3 há 27 anos, sendo inclusive usuário do medicamento. Ele alertou que o medicamento não faz milagres, apenas tem eficácia se utilizado num tratamento multidisciplinar. Azevedo contou que, no GH3, a procaína é somada ao metabissulfito de potássio, fosfato bissódico e ácido benzóico, diferente da procaína utilizada como anestésico. "Quando no organismo, a procaína benzóica se metaboliza, transformando-se no ácido para-amino-benzóico e no dietil-etanol-amino. Esses elementos são …