Pular para o conteúdo principal

DOCUMENTÁRIOS EM VÍDEO SOBRE ALZHEIMER

A Marriage to Remember (Foto: Reprodução GloboNews)

Filho faz documentário para que mãe com Alzheimer lembre a própria vida

Cineasta registrou a evolução da doença e o impacto na rotina da família.
Pamela White conta sua história para que ela mesma se lembre.


O Alzheimer é o tema de um emocionante documentário. A personagem central é a própria mãe do diretor. Banker White é o autor de “A Marriage to Remember”, “Um Casamento para Recordar”, em tradução livre.
Pamela White (Foto: Reprodução GloboNews)Pamela White (Foto: Reprodução GloboNews)
Pamela White foi atriz, modelo e assistente social. Ao lado do marido Ed But, criou três filhos, entre eles Banker. Pam tinha 61 anos quando recebeu o diagnóstico de estágio inicial de Mal de Alzheimer, que causa perda de memória e o declínio cognitivo.
A Marriage to Remember (Foto: Reprodução GloboNews)Pamela White (Foto: Reprodução GloboNews

Por causa da doença, Banker se mudou para Boston para ficar mais próximo dos pais. Em 2009, com a ajuda do filho, Pamela começou a reunir registros de momentos que acabaria esquecendo ao longo dos anos. Uma mulher ativa e com muitas recordações felizes, ela conta a própria vida para que ela mesma assista e se lembre.
"Eu vivo para a minha família e meus filhos. Uma pequena falha é que eu tenho Alzheimer", diz Pam no documentário.
O marido de Pam, que era um financista em Nova York, se aposentou para ficar ao lado da esposa. No documentário, Banker explora como a doença revelou a força do casamento de seus pais. “Esse processo tem sido ao mesmo tempo doloroso e bonito de assistir”, conta o filho.
"Sempre que estamos juntos eu conto para ela sobre a vida magnífica que tivemos juntos", revela Ed no documentário.
  •  
Pamela White (Foto: Reprodução GloboNews)Pamela White (Foto: Reprodução GloboNews)
Fatores que aumentam as chances de ter Alzheimer:
1º Doenças cardiovasculares;
2º Fumar;
3º Hipertensão;
4º Diabetes tipo II;
5º Obesidade;
6º Impacto traumático na cabeça
Fatores que reduzem o risco de desenvolver Alzheimer:
1º Educação;
2º Atividades de lazer;
3º Dieta do mar mediterrâneo;
4º Atividades físicas
Segundo a OMS, pessoas que têm um alto nível de educação têm menos riscos de desenvolver Alzheimer, porque os estudos exercitam o cérebro. Atividades de lazer e físicas também estimulam o cérebro e diminuem as chances de ter a doença. A dieta do mar mediterrâneo usa muito azeite de oliva, peixe e legumes. Como é rica em antioxidantes e anti-inflamatórios, pode ajudar a evitar a doença.
A estimativa da Organização Mundial de Saúde é de que 35 milhões de pessoas vivem com algum tipo de demência e, na maioria dos casos, o declínio cognitivo é em decorrência do Alzheimer.
Fonte:http://g1.globo.com/globo-news/noticia/2014/08/filho-faz-documentario-para-que-mae-com-alzheimer-lembre-propria-vida.html

Alzheimer é Tema de Documentários 




Histórias mostram desde a rotina de quem vive com a doença até os avanços científicos na prevenção, no tratamento e na erradicação do distúrbio



A HBO apresenta em 21 de setembro a série completa The Alzheimer’s project, composta por quatro documentários, com histórias que mostram desde a rotina de quem vive com a doença até os avanços científicos na prevenção, no tratamento e na erradicação do distúrbio. Nos Estados Unidos, a produção contou com a colaboração do National Institute on Aging (Instituto Nacional do Envelhecimento), instituição encarregada de garantir que o conteúdo estivesse de acordo com os resultados das pesquisas. A série tem como produtoras executivas Sheila Nevins e Maria Shriver, cujo pai recebeu o diagnóstico de Alzheimer em 2003.

O primeiro episódio The memory loss tapes (As fitas da memória perdida) revela a história de sete pessoas que vivem com a doença, cada uma em um estágio, e como lidam com suas limitações. O segundo, Grandpa, do you know who I am? (Vô, você sabe quem eu sou?), criado com base no livro What’s happening to grandpa?, de Maria Shriver, conta o cotidiano de nove crianças e adolescentes, com idades entre 6 e 15 anos, que convivem com avós que sofrem do transtorno. Na sequência, será apresentado Momentum in science (Avanços da ciência), dividido em duas partes, que mostra o trabalho de 25 cientistas e médicos que pesquisam as chances de melhorar a identificação e o diagnóstico do Alzheimer, diminuindo as possibilidades de o cérebro adoecer e a prevenção. Por fim,Caregivers (Profissionais da saúde) trata do trabalho dos cuidadores.

Fonte:http://www2.uol.com.br/vivermente/noticias/alzheimer_e_tema_de_documentario.html


Postagens mais visitadas deste blog

LUTEÍNA COMBATE MANCHAS E FOTOENVELHECIMENTO DA PELE

A luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - proporciona um efeito fotoprotetor contra a radiação solar e artificial, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da peleFoto: Shutterstock
Luteína combate manchas e fotoenvelhecimento da pele
Estudos já comprovaram que a luz emitida por computadores, televisores e lâmpadas fluorescentes pode causar manchas na pele, assim como os raios ultravioleta (UVA e UVB). Mas, o que pouca gente sabe é que a luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - pode proporcionar um efeito fotoprotetor contra todas essas radiações, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da pele. Os benefícios desse ativo para a cútis começaram a ser valorizados há cerca de cinco anos quando a revista científica americana Skin Pharmacology and Physiology divulgou um estudo que apontou a luteína como uma poderosa arma antioxidante contra o fotoenvelhecimento cutâneo, causad…

UC-II - COLÁGENO NÃO DESNATURADO,O QUE É ? - FANTÁSTICO SUPLEMENTO DERIVADO DA CARTILAGEM DO FRANGO

UC-II COLAGENO NÃO DESNATURADO DUAS VEZES MAIS ATIVO DO QUE CONDROITINA + GLUCOSAMINA A cartilagem é um dos tecidos conjuntivos primários do corpo, proporcionando flexibilidade e suporte para as articulações ósseas. O colageno tipo II não desnaturado, é a principal proteína estrutural na cartilagem que é responsável pela sua resistência à tração e firmeza. Derivado de cartilagem de frango, UC-II® consiste em colágeno tipo II não desnaturado que age juntamente com o sistema imunológico para manter as articulações saudáveis e promover a mobilidade e flexibilidade das articulações. UC-II® tem sua composição patenteada, e demonstrou a sua eficácia em estudos clínicos em humanos. Descrição O colágeno é uma proteína fibrosa presente na pele, tendões, ossos, dentes, vasos sangüíneos, intestinos e cartilagens, correspondendo a 30% da proteína total e a 6% em peso do corpo humano. Também é encontrada em diversos tecidos de animais. UC-II® é um colágeno do tipo II, não-desnaturado, derivado da cartil…

PROCAÍNA,A SENSAÇÃO CONTRA VELHICE

Um novo tratamento contra o envelhecimento está se tornando uma sensação no Brasil. Embora sua aplicação com essa finalidade não seja tão recente, a procaína benzóica estabilizada ganhou força na mídia, e hoje já é utilizada principalmente pelas classes sociais mais abastadas. Além de retardar o envelhecimento, o GH3, nome comercial da procaína, promete equilíbrio nos sistemas corporais, melhora na circulação sangüínea e combate à depressão. O geriatra e ortomolecular Eduardo Gomes e Azevedo trabalha com o GH3 há 27 anos, sendo inclusive usuário do medicamento. Ele alertou que o medicamento não faz milagres, apenas tem eficácia se utilizado num tratamento multidisciplinar. Azevedo contou que, no GH3, a procaína é somada ao metabissulfito de potássio, fosfato bissódico e ácido benzóico, diferente da procaína utilizada como anestésico. "Quando no organismo, a procaína benzóica se metaboliza, transformando-se no ácido para-amino-benzóico e no dietil-etanol-amino. Esses elementos são …