Pular para o conteúdo principal

DIETA MEDITERRÂNEA ELEVA LONGEVIDADE DO CÉREBRO



Dieta mediterrânea eleva longevidade do cérebro, diz estudo

A dieta mediterrânea desacelera o envelhecimento e protege o cérebro. É o que diz um estudo realizado pela Universidade de Edimburgo, na Escócia, e publicada pela revista especializada "Neurology".
A pesquisa também revelou que o sistema nervoso de idosos que seguem esse tipo de alimentação é menos "limitado" em comparação com o de outras pessoas. Mas o que seria uma dieta mediterrânea?
Segundo os especialistas, trata-se de uma alimentação baseada em frutas, verduras, azeite de oliva, legumes e cereais, com consumo moderado de peixe, queijo e vinho e com pouca carne vermelha e de aves. Países como Itália, França, Espanha, Turquia, Grécia e Marrocos ficam na região Mediterrânea, localizada entre África e Europa.    
"Quando envelhecemos, o cérebro se limita, e perdemos células nervosas. Tudo isso influencia na memória e na aprendizagem. Nossa pesquisa adicionou outro fator a essa questão e acabou evidenciando o impacto positivo da dieta mediterrânea na saúde do cérebro", diz Michelle Luciano, coordenador do estudo.
Os pesquisadores recolheram informações sobre os hábitos alimentares de 967 pessoas quando elas estavam com cerca de 70 anos. Depois, 562 desses voluntários fizeram uma ressonância magnética aos 73 para medir o volume do cérebro e da matéria cinzenta e a espessura do córtex, a camada mais externa do órgão.    
Depois de três anos, os pesquisados tornaram a fazer uma ressonância magnética para avaliar as alterações. Dessa forma, os especialistas notaram que as pessoas que não tinham uma dieta mediterrânea sofreram uma perda de material cinzento 0,5% maior.    
No entanto, não foi achada uma relação direta entre algum componente específico da dieta e a desaceleração do envelhecimento do cérebro. "É possível que um dos alimentos da dieta tenha esse impacto, ou pode ser a combinação de todos. Nosso estudo evidencia como uma dieta saudável dá uma proteção de longa duração", conclui Luciano. (ANSA)


Fone: http://www.msn.com/pt-br/saude/medicina/dieta-mediterr%c3%a2nea-eleva-longevidade-do-c%c3%a9rebro-diz-estudo/ar-BBxZc3W?li=AAggPNl

Postagens mais visitadas deste blog

LUTEÍNA COMBATE MANCHAS E FOTOENVELHECIMENTO DA PELE

A luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - proporciona um efeito fotoprotetor contra a radiação solar e artificial, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da peleFoto: Shutterstock
Luteína combate manchas e fotoenvelhecimento da pele
Estudos já comprovaram que a luz emitida por computadores, televisores e lâmpadas fluorescentes pode causar manchas na pele, assim como os raios ultravioleta (UVA e UVB). Mas, o que pouca gente sabe é que a luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - pode proporcionar um efeito fotoprotetor contra todas essas radiações, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da pele. Os benefícios desse ativo para a cútis começaram a ser valorizados há cerca de cinco anos quando a revista científica americana Skin Pharmacology and Physiology divulgou um estudo que apontou a luteína como uma poderosa arma antioxidante contra o fotoenvelhecimento cutâneo, causad…

UC-II - COLÁGENO NÃO DESNATURADO,O QUE É ? - FANTÁSTICO SUPLEMENTO DERIVADO DA CARTILAGEM DO FRANGO

UC-II COLAGENO NÃO DESNATURADO DUAS VEZES MAIS ATIVO DO QUE CONDROITINA + GLUCOSAMINA A cartilagem é um dos tecidos conjuntivos primários do corpo, proporcionando flexibilidade e suporte para as articulações ósseas. O colageno tipo II não desnaturado, é a principal proteína estrutural na cartilagem que é responsável pela sua resistência à tração e firmeza. Derivado de cartilagem de frango, UC-II® consiste em colágeno tipo II não desnaturado que age juntamente com o sistema imunológico para manter as articulações saudáveis e promover a mobilidade e flexibilidade das articulações. UC-II® tem sua composição patenteada, e demonstrou a sua eficácia em estudos clínicos em humanos. Descrição O colágeno é uma proteína fibrosa presente na pele, tendões, ossos, dentes, vasos sangüíneos, intestinos e cartilagens, correspondendo a 30% da proteína total e a 6% em peso do corpo humano. Também é encontrada em diversos tecidos de animais. UC-II® é um colágeno do tipo II, não-desnaturado, derivado da cartil…

PROCAÍNA,A SENSAÇÃO CONTRA VELHICE

Um novo tratamento contra o envelhecimento está se tornando uma sensação no Brasil. Embora sua aplicação com essa finalidade não seja tão recente, a procaína benzóica estabilizada ganhou força na mídia, e hoje já é utilizada principalmente pelas classes sociais mais abastadas. Além de retardar o envelhecimento, o GH3, nome comercial da procaína, promete equilíbrio nos sistemas corporais, melhora na circulação sangüínea e combate à depressão. O geriatra e ortomolecular Eduardo Gomes e Azevedo trabalha com o GH3 há 27 anos, sendo inclusive usuário do medicamento. Ele alertou que o medicamento não faz milagres, apenas tem eficácia se utilizado num tratamento multidisciplinar. Azevedo contou que, no GH3, a procaína é somada ao metabissulfito de potássio, fosfato bissódico e ácido benzóico, diferente da procaína utilizada como anestésico. "Quando no organismo, a procaína benzóica se metaboliza, transformando-se no ácido para-amino-benzóico e no dietil-etanol-amino. Esses elementos são …