Pular para o conteúdo principal

EXISTEM 9 TIPOS DE CABELOS CACHEADOS : VEJA QUAL É O SEU E OS CUIDADOS

cachos sol verao 400x1000 216

Existem 9 tipos de cabelo cacheados: veja qual é o seu e os cuidados necessários 

Talvez você não saiba, mas existem 9 tipos diferentes de cabelos cacheados. Identificar qual é o seu pode fazer toda a diferença na hora de tomar os cuidados ideais. Conheça as características de cada tipo e descubra qual é a melhor forma de tratar o seu:

Tipos de cabelo cacheado

cacho tipos salonline 216

Cachos tipo 2

2A - Levemente ondulado
São aqueles fios que são mais lisos na raiz e com leves ondas no meio e ponta. São mais finos e fáceis de alisar ou enrolar. Para cuidar bem dessas madeixas, é interessante optar por produtos que ativem a circulação capilar e deixem a raiz saudável, prevenindo, assim, a queda.
2B - Ondulado em formato de “S”
Os fios são um pouco mais ondulados do que o tipo 2A, formando ondas em “S” e a tendência ao frizz é maior. Os cuidados devem ser os mesmos com o cabelo ondulado, mas eles podem ser um pouco mais difíceis de modelar.
2C - Ondas bem definidas
Se encaixam aqui mulheres com fios volumosos e ondulações mais definidas. Entre os cuidados estão o uso de cosméticos que consigam controlar o frizz e uma poderosa máscara de hidratação. Opte sempre por produtos sem óleo mineral e com vitamina A e óleo de rícino.
menina cabelo cachos 216 400x800

Cachos tipo 3

3A - Cachos grandes
É o tipo de cabelo parecido com o da cantora Shakira, com cachos grandes e abertos. Quando desejar cachear mais, aposte em produtos ativadores, mas não se esqueça de prevenir a queda com cremes que fortalecem a raiz e deixam os cabelos “vitaminados”.
3B - Cachos menores
São os fios mais volumosos e ásperos, com cachos pequenos e mais bem definidos. Tem grande tendência ao frizz.
3C - Cachos apertados
Nesse tipo, o fio é bem mais grosso e costuma ser ressecado. Por isso, faça hidratações frequentemente com máscaras poderosas, que estimulem o crescimento saudável dos cabelos.
mulher ruiva cachos 400x1000 016

Cachos tipo 4

4A - Crespos com cachos bem apertados
É o primeiro dos cabelos crespos, que perdem umidade com mais facilidade e crescem enrolados desde a raiz. A largura deste tipo é próxima à de uma agulha de crochê. Quando você estica, o cacho fica no formato da letra “S”. Para cuidar bem dele, opte por um shampoo que garanta a integridade do fio e mantenha o brilho radiante.
4B - Crespo com cacho em “Z”
É semelhante ao tipo anterior, mas os fios são mais ressecados e crespos, podendo encolher até 75% do seu volume natural. Os cuidados devem ser os mesmos do tipo anterior, sempre tomando cuidado com o ressecamento e a queda.
4C - Crespos sem muitos cachos
Os fios costumam crescer direcionados para cima e os cachos não são definidos, também podendo encolher até 75% do volume natural. Escolha um tônico fortalecedor que forneça todas as vitaminas de que os seus cabelos precisam.
cachos crespo 400x1000 216

Postagens mais visitadas deste blog

LUTEÍNA COMBATE MANCHAS E FOTOENVELHECIMENTO DA PELE

A luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - proporciona um efeito fotoprotetor contra a radiação solar e artificial, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da peleFoto: Shutterstock
Luteína combate manchas e fotoenvelhecimento da pele
Estudos já comprovaram que a luz emitida por computadores, televisores e lâmpadas fluorescentes pode causar manchas na pele, assim como os raios ultravioleta (UVA e UVB). Mas, o que pouca gente sabe é que a luteína - antioxidante natural que reduz os efeitos dos radicais livres - pode proporcionar um efeito fotoprotetor contra todas essas radiações, além de aumentar significativamente a hidratação e a elasticidade da pele. Os benefícios desse ativo para a cútis começaram a ser valorizados há cerca de cinco anos quando a revista científica americana Skin Pharmacology and Physiology divulgou um estudo que apontou a luteína como uma poderosa arma antioxidante contra o fotoenvelhecimento cutâneo, causad…

UC-II - COLÁGENO NÃO DESNATURADO,O QUE É ? - FANTÁSTICO SUPLEMENTO DERIVADO DA CARTILAGEM DO FRANGO

UC-II COLAGENO NÃO DESNATURADO DUAS VEZES MAIS ATIVO DO QUE CONDROITINA + GLUCOSAMINA A cartilagem é um dos tecidos conjuntivos primários do corpo, proporcionando flexibilidade e suporte para as articulações ósseas. O colageno tipo II não desnaturado, é a principal proteína estrutural na cartilagem que é responsável pela sua resistência à tração e firmeza. Derivado de cartilagem de frango, UC-II® consiste em colágeno tipo II não desnaturado que age juntamente com o sistema imunológico para manter as articulações saudáveis e promover a mobilidade e flexibilidade das articulações. UC-II® tem sua composição patenteada, e demonstrou a sua eficácia em estudos clínicos em humanos. Descrição O colágeno é uma proteína fibrosa presente na pele, tendões, ossos, dentes, vasos sangüíneos, intestinos e cartilagens, correspondendo a 30% da proteína total e a 6% em peso do corpo humano. Também é encontrada em diversos tecidos de animais. UC-II® é um colágeno do tipo II, não-desnaturado, derivado da cartil…

PROCAÍNA,A SENSAÇÃO CONTRA VELHICE

Um novo tratamento contra o envelhecimento está se tornando uma sensação no Brasil. Embora sua aplicação com essa finalidade não seja tão recente, a procaína benzóica estabilizada ganhou força na mídia, e hoje já é utilizada principalmente pelas classes sociais mais abastadas. Além de retardar o envelhecimento, o GH3, nome comercial da procaína, promete equilíbrio nos sistemas corporais, melhora na circulação sangüínea e combate à depressão. O geriatra e ortomolecular Eduardo Gomes e Azevedo trabalha com o GH3 há 27 anos, sendo inclusive usuário do medicamento. Ele alertou que o medicamento não faz milagres, apenas tem eficácia se utilizado num tratamento multidisciplinar. Azevedo contou que, no GH3, a procaína é somada ao metabissulfito de potássio, fosfato bissódico e ácido benzóico, diferente da procaína utilizada como anestésico. "Quando no organismo, a procaína benzóica se metaboliza, transformando-se no ácido para-amino-benzóico e no dietil-etanol-amino. Esses elementos são …